Você tem honrado essa pessoa

Você tem honrado essa pessoa?

Muitas vezes dedicamos o nosso tempo para tantas pessoas, tantos projetos. Talvez com o intuito de atingir algo diferente, algo superior ao que temos hoje, no momento presente.

Temos nosso marido, ou esposa, filhos, empresas, carreira, trabalho, nossa casa, cachorros, carros, pais, irmãos, nossos amigos, nossos sonhos… e de alguma forma essas pessoas especiais, ou essas atividades tão nobres consomem o nosso tempo. E isso é maravilhoso, é excelente! Pois, faz parte da vida que todos sonhamos ou buscamos alcançar. Atingir as nossas metas e conquistar níveis de sucesso é super importante!

Poder estender a mão a um amigo que está passando um momento difícil, visitar um parente que está enfrentando um problema de saúde. Vivemos em sociedade e são muitas as exigências e responsabilidades. Trabalhar com afinco e dignidade são a essência do ser humano e isso nos dignifica.

Esse é o jogo da vida e está tudo certo com isso. É maravilhoso!

g - Você tem honrado essa pessoa

Mas muitas vezes nessa jornada na vida, esquecemos de uma pessoa muito especial, que é fundamental. Eu diria que ela é a mais importante e que sem ela nada existiria, ou faria sentido de ser.

Nos esquecemos de nós mesmos…

Talvez você seja essa pessoa que está super focada em sua carreira, em alcançar uma meta bem desafiadora, ou vivendo um momento especial e diferente de tudo que já viveu até aqui.

Sua energia está sendo gasta com tudo e com todos e muitas vezes você se sente vazio e desgastado. Como um elástico laceado…

Será que seria o momento de você dedicar um pouco deste tempo e desta energia para você mesmo? Não seria isso um investimento inteligente ou um reabastecimento de energia vital?

Reflita, … isso não significa fraqueza, mas zelo pelo que, ou por quem faz a roda rodar…

Você pode estar precisando se restaurar, se recuperar ou se reabilitar…

Isso inclusive tem a ver com merecimento. Com retribuição pelo esforço e dedicação.

Não deixe acontecer, como aconteceu comigo! Um estresse tão violento que quase acabou comigo aos 32 anos de idade.

Às vezes são pequenas coisas que nos proporcionamos que já fazem uma diferença enorme…

Dormir um pouco mais, sabe o que mais gosto de fazer de vez em quando? Dormir até me acordar por conta própria… Um dia inteiro de pernas pro ar, sem fazer nada… de bobeira mesmo… sem horário pra nada…

Quem sabe uma esticadinha de final de semana, mas não muito longe para não ter que enfrentar o trânsito, também…

Quem sabe um hobby que há tanto tempo você não pratica, 2 ou 3 horas para se desconectar e então, se conectar novamente com você mesmo, com a sua essência.

Recarregue as suas baterias para, quando voltar, poder avançar com mais desempenho, mais criatividade, mais foco.

O dar e receber em ação, não somente com o externo a você, mas com você mesmo.

Quantas vezes não nos damos esse direito por achar que não dá, que você não pode, que não é por aí… Preciso ser forte e não deixar a peteca cair…

E as coisas não são assim…

Você já viu um elástico que foi forçado ao extremo ou forçado sem trégua, e quando você solta ele não volta mais ao estado original. Sua elasticidade se perdeu e não há como restaurar… só cabe substitui-lo…

Esse é o movimento da vida. Tensão e relaxamento, tensão e relaxamento…

Como você fortalece sua musculatura? Fazendo exatamente isso, flexionando o peso e relaxando. Repetindo várias vezes… Existe a necessidade de relaxar, soltar o músculo para novamente poder contrair.

A palavra-chave é Equilíbrio! Mesmo que você não tenha atingido suas metas ainda, mas você está no jogo!

E você merece isso e as pessoas que estão à sua volta também!

Lembre-se!

O pitstop faz parte de uma estratégia campeã!

Juntos somos mais fortes!

Juntos com Deus somos invencíveis!

Andrea Dusik - Você tem honrado essa pessoa

Você tem honrado essa pessoa?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *